Das histórias de lavadeiras as coisas da vida…

          Ontem foi uma tarde de muitos sorrisos, alegrias e histórias na CASSI  (Caixa de Assistência dos Funcionários do Banco do Brasil), que formou um grupo para seus associados, chamado “Plena Idade”, que se reúne semanalmente para atividades ligadas à leitura, cinema, música, confecção de artesanato, passeios, palestras sobre como cuidar da saúde.

          A proposta é que eles permaneçam atualizados, que estejam sempre aprendendo, acompanhem a história, tenham contato com outras pessoas além dos familiares, e que exercitem a memória, a sociabilidade, a criatividade e que tenham lazer.
          Ontem nossa coordenadora do Projeto Taberna dos Bardos, foi convidada a se apresentar e contar histórias.
 
          Eugênia escolheu para contar em seu repertório histórias de lavadeiras – “De Alma Lavada”.  Trouxe um varal de fotos das lavadeiras nos rios e fotos das mesmas cantando, se apresentando no Teatro Municipal do RJ, depoimentos daquelas mulheres que, algumas já com idade avançada, continuam lavando e cantando.
 
          Disse ela ” Acho que a história dessas mulheres deve ser contada, para sempre ser lembrada, são mulheres que, às vezes sozinhas formaram filhos doutores, enfretaram o calor, o sol muito forte, ou as geadas de inverno que endureciam as mãos. Para trabalharem carregavam na cabeça trouxas pesadas por longos caminhos, às vezes subiam os morros. Muitas vezes tinham que levar os filhos pelas mãos, e passavam o dia comendo a farinha que transformavam em papa, nas fogueirinhas que preparavam. E já com comportamento sustentável, cuidavam da higiene do local em solidariedade às companheiras que viriam lavar no mesmo local, no dia seguinte.

Cantavam para espantar a tristeza da vida dura, a saudade de um marido sumido, de um amor não correspondido,  mas cantavam também porque estavam alegres.”
 
O Grupo adorou as histórias das lavadeiras, além disso contaram coisas de suas vidas e cultura, cantaram suas músicas e finalizamos com um cortejo com estandarte, pandeiro, chocalho, kalimba, …papel picado e muita alegria.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: