Entre Pais e Filhos – Muitos Livros!!!

            Sábado, 11 de agosto, véspera do dia dos Pais, a Praça Granito, em Anchieta, transformou-se em um sarau matutino, com distribuição e empréstimo de livros, e leitura para as crianças, que curtiram a manhã ensolarada ouvindo histórias.

            Promover a leitura literária e formar leitores são objetivos do Livro na Praça que se repete, a cada quinze dias, sempre aos sábados.

Imagem

 

A criançada vibrou com os livros pendurados numa grande árvore (daí o nome Pé-de-Livro), como frutos crescidos para alimentar culturalmente os que têm menos oportunidades de acesso à leitura, além do encanto das lindas histórias contadas por Lucia Lino, contadora e mediadora de histórias e uma das idealizadoras da atividade. E a colheita foi um sucesso.

 

Marcelo Cavalheiro, mais uma vez estava com seus livros e sua planilha de empréstimos, mas ficou com o coração dividido, emprestando livros e correndo para a festa em homenagem ao dias dos pais na escola de sua filha.

Imagem

Segundo Pedro Gerolimich, coordenador do Projeto Livro de Rua:

“essa foi uma homenagem diferente aos pais, além das doações de livros que os pais tiveram acesso, incentivar a leitura aos seus filhos é o maior presente, a maior homenagem que podemos fazê-los, não tem preço ver seu filho lendo e brincando com os livros, não temos dúvidas que esse é o caminho para um país e um bairro melhor, libertaremos cada vez mais livros e incentivaremos a leitura literária cada vez mais para os seus filhos”,      disse Pedro.

Leia Mais, Seja Mais.

Com o objetivo de fomentar e valorizar os hábitos de leitura e incentivar o uso das bibliotecas públicas, a Ministra da Cultura, Ana de Hollanda, e o presidente da Fundação Biblioteca Nacional (FBN), Galeno Amorim, lançaram no dia 2/8 na Biblioteca Nacional, no Rio, a segunda etapa da campanha Leia Mais, Seja Mais. O objetivo é chamar a atenção para a leitura como uma atividade prazerosa e um caminho para o crescimento pessoal dos leitores. Vários artistas da Rede Globo estarão no filme que ficará durante todo o mês de agosto na TV, rádio e internet.

Leia Mais, Seja Mais também nas redes sociais

Imagem

Além dos filmes de TV, spots de rádio e banners de internet, a segunda etapa da campanha Leia Mais, Seja Mais (que há sete meses esteve em jornais e revistas) terá uma série ações nas redes sociais. As páginas do Ministério da Cultura e da Fundação Biblioteca Nacional no Facebook, por exemplo, trarão, já a partir de quinta-feira, um convite para que os internautas substituam, por algum tempo, suas imagens de perfil por capas dos livros que mais gostam, tornando assim suas páginas, literalmente, um FACEBOOK (ou, em português, uma CARA DE LIVRO).

Norteadores fundamentais

O slogan Leia Mais, Seja Mais engatilha posturas que são simultaneamente uma atitude e um claro benefício para a pessoa: Sonhe Mais; Conquiste Mais etc. E ainda estimula uma atitude cidadã em direção às novas gerações: Desperte o prazer da leitura em um jovem. Indique livros; ou: Descubra novos livros. Leia com seu Filho.
A campanha ressoa norteadores fundamentais para o país. Por exemplo, o Plano Nacional de Cultura, cujas metas foram lançadas no início do mês pela Ministra Ana de Hollanda. Uma das 53 metas do plano, que tem horizonte de 10 anos, é que o brasileiro, que atualmente lê apenas 1,8 livro, fora os escolares, chegue ao índice de quatro até 2020.
Este empuxo para a leitura está sinalizado ainda no convênio assinado também em dezembro pelos ministros Ana e Fernando Haddad (Educação) e que deve ser implementado já no início de 2012.

Imagem

%d blogueiros gostam disto: